Sustentabilidade: empresa da Somália contribui para a redução de resíduos plásticos

março 18 2019

E aí, pessoal, tudo bem? O assunto de hoje é algo que é inerente à nossa empresa. Vamos falar sobre sustentabilidade e como uma empresa da Somália vem acabando com o plástico das ruas e renovando a cidade.

Nós estamos falando de uma um país dilacerado pela Guerra Civil – o conflito começou em 1991 e não terminou até hoje -, e que se preocupa com a ecologia.

Devido aos bombardeios que caíram em muitas instalações, os telhados estavam completamente abertos. E aí um empresário teve a seguinte ideia: vamos acabar com os plásticos que são jogados na ruas, triturar e serem transformados em telhados das estruturas devastadas da cidade.

O nome do empresário é Ahmed Abdullah, de Mogadíscio, capital da Somália. Ele reuniu uma equipe de voluntários – muitos deles eram refugiados, atormentados por um prolongado conflito armado -, e em junho de 2018, decidiram criar uma empresa sob o nome de Green Plastic (imagens acima é da Reuters).

Os trabalhadores saíram às ruas da cidade e começaram a recolher garrafas plásticas, sacos e embalagens para dar uma nova vida a todo esse lixo. Cada funcionário recebe 3 mil xelins somalianos (aproximadamente 5,18 dólares) por quilo de lixo trazido para a empresa.

Além de limpar a cidade, a empresa compra os resíduos plásticos da população. E este é um bom complemento de renda para os habitantes locais.