Dia da Ecologia e do Meio Ambiente 2019: O que temos a comemorar?

Dia da Ecologia e do Meio Ambiente 2019: O que temos a comemorar?

junho 5 2019

Dia da Ecologia e do Meio Ambiente 2019: Olá, pessoal, tudo bem? O post de hoje é comemorativo, mas também de certa preocupação, afinal, estamos mesmo cuidando do nosso planeta?

Cuidar da Terra não é apenas uma responsabilidade – é um privilégio! E o grande desafio do século XXI é implementar políticas de meio ambiente que promovam o encontro entre desenvolver e proteger as riquezas naturais. Afinal, como diria Gandhi:”A natureza pode suprir todas as necessidades do homem, menos a sua ganância”.

11 preocupações atuais com o Meio Ambiente

São inúmeras as reocupações relacionadas ao Meio Ambiente. Destacamos 11 que merecem um olhar atencioso.

1. Você sabia que 9 em cada 10 pessoas em todo o mundo estão respirando ar poluído?

2. Atualmente a população de onças-pintadas na Mata Atlântica se resume a 1% da original!

3. Oito milhões de toneladas de resíduos plásticos entram nos nossos oceanos todos os anos.

4. Brasil é o 4º país do mundo que mais produz lixo plástico. A poluição do plástico que vem da sacola do supermercado, do copinho descartável, do canudinho, afeta a qualidade do ar, do solo e os sistemas de fornecimento de água. Nos mares, causa impacto em corais, algas marinhas e em toda a biodiversidade.

5. Apenas 1💧 em cada 3💧 💧 💧 dos grandes rios permanece de “curso livre”. Ou seja, sem prejuízos causados por poluição, hidrelétricas ou estradas. Rios de “curso livre” fornecem os peixes que vão alimentar as pessoas, reduzem os impactos de secas e alagamentos extremos, evitam a erosão e possibilitam a existência de flora e fauna saudáveis.

6. Dos cerca de oito milhões de espécies de animais e plantas na Terra, até um milhão de espécies estão agora ameaçadas de extinção – e muitas delas se extinguirão dentro de apenas algumas décadas, segundo relatório do IPBES.

7. No Brasil, as espécies ameaçadas somam 3.286. sendo 1.173 de fauna e 2.113 de flora, segundo dados de 2014 do Ministério do Meio Ambiente. Deste total, 316 são espécies que não tem qualquer instrumento de proteção oficial. Ou seja, não estão em Unidades de Conservação, não têm Plano de Ação Nacional, não estão incluídas em nenhuma outra medida de proteção (IPBES).

8. A anta é o maior mamífero da América do Sul e muito importante para a conservação das florestas. Mas está ameaçada de extinção por conta da caça e desmatamento!

9. Você sabia que as florestas abrigam bem mais da metade das espécies terrestres? Onças, Tigres, Macacos e anfíbios. Todos eles dependem de florestas saudáveis e resistentes. E nós também!

10. O lobo-guará, bandeira da conservação do Cerrado, consta na linha vermelha da UICN (União Internacional para a Conservação da Natureza) como espécie ameaçada de extinção. A causa está em ações humanas, principalmente na destruição do Cerrado, habitat natural do animal.

11. Nos últimos três meses, mais de 500 milhões de abelhas foram encontradas mortas por apicultores apenas em quatro estados brasileiros, segundo levantamento da Agência Pública e Repórter Brasil. Foram 400 milhões no Rio Grande do Sul, 7 milhões em São Paulo, 50 milhões em Santa Catarina e 45 milhões em Mato Grosso do Sul. O motivo seria o uso exagerado de agrotóxicos à base de neonicotinoides e de Fipronil, produto proibido na Europa há mais de uma década.

Política ambiental da Freeway

A Freeway é uma empresa que possui uma política ambiental e realiza ações que ajudam o meio ambiente, como o piso ecológico da academia dos funcionários e piso ecológico para revestir showroom; a participação de dois projetos inscrito no prêmio Green Best Brasil 2012; a produção do nosso próprio adubo, entre outros. O artigo “Tempos Modernos X Atividade Sustentável”, escrito por Jânio Machado, Diretor Presidente da empresa, resume muito bem o pensamento da Freeway sobre o Meio Ambiente.

10 dicas sustentáveis para contribuir com o Meio Ambiente

E para comemorar o Dia da Ecologia e Dia Mundial do Meio Ambiente 2019, o blog da Freeway traz algumas dicas simples para você contribuir para o Planeta.

1. Preste atenção na maneira como você faz uso da água. As pequenas coisas podem fazer uma grande diferença. Elimine vazamentos e evite o desperdício de água, além de reduzir o valor da conta de água no fim do mês. Instale torneiras de baixo consumo de água.

2. Deixe seu carro em casa. Se você conseguir ficar sem carro apenas duas vezes por semana, reduzirá as emissões de gases estufa em uma média de 720 Kg por ano.

3. Vá caminhando ou vá de bicicleta até o trabalho, à escola e a qualquer lugar que puder. Você pode reduzir a emissão de gases estufa enquanto queima algumas calorias, além de melhorar sua saúde.

4. Recicle. Você pode ajudar a reduzir a poluição simplesmente jogando aquela lata de refrigerante em uma lixeira diferente.

5. Adubo. Pense no quanto de lixo você faz em um ano. Reduzir a quantidade de dejetos sólidos que você produz em um ano significa ocupar menos espaço em áreas usadas como depósito de lixo, de modo que seu dinheiro gasto em impostos pode ser utilizado em alguma outra área. Além disso, a compostagem é um ótimo fertilizante natural. Compostagem é mais fácil do que você pensa.

6. Troque suas lâmpadas. Lâmpadas compactas fluorescentes (CFLs) duram 10 vezes mais do que uma lâmpada padrão e utilizam pelo menos dois terços a menos de energia.

7. Faça a manutenção de seu carro. Pneus não cheios diminuem a economia de combustível em até 3% e levam a um aumento de poluição e maiores emissões de gases estufa. Você também pode optar pelo motor flex e usar o etanol ao invés da gasolina.

8. Dirija de modo mais inteligente. Diminua a velocidade – dirigir a cerca de 90 km/h em vez de 110 km/h na rodovia proporciona uma economia de até 6 quilômetros a cada 3,5 litros

9. Desligue as luzes quando não estiver na sala e tire da tomada os fios dos utensílios domésticos quando não estiverem sendo utilizados.

10. Não descarte pilhas e baterias em lixo comum: Pilhas e baterias contêm metais pesados e tóxicos como cádmio, chumbo e mercúrio, que contaminam o solo e a água. Ao descartar pilhas e baterias, procure um posto de coleta especial.

Tags:, ,